Constipação intestinal: O que fazer?

Por: em 07 de novembro de 2011 - 3 comentários


A prisão de ventre, apelido dado ao problema de constipação intestinal, é um incômodo que milhares de pessoas sofrem no mundo. O problema nada mais é do que a baixa frequência de evacuação, ou seja, passar um grande período de tempo sem eliminar os restos do organismo.

Termômetro da saúde

Vários fatores são responsáveis pela baixa quantidade de eliminações. O intestino é considerado um termômetro da saúde. Se o órgão está funcionando normalmente pode ser um bom sinal. Se há poucas evacuações e ocorre uma sensação desagradável de inchamento, o melhor que se tem a fazer é mudar os hábitos alimentares.

O intestino movimenta-se fazendo com que o bolo fecal seja expelido para fora do corpo, porém, a frequência desses movimentos depende do conteúdo que foi ingerido ou está impregnado no intestino, como líquidos, e restos alimentares. As mulheres ainda são alvo mais constantes da prisão de ventre, embora ainda não existam comprovações sobre os motivos em atingir o gênero.

Tipos e causas da constipação intestinal

Existem dois tipos de constipação: a crônica e a aguda. A crônica é aquela que se perdura por mais tempo, enquanto a aguda é a existente a pouco tempo. A baixa ingestão de líquidos provoca uma constipação crônica, que demora mais tempo para ser tratada. O líquido hidrata o bolo fecal e implica uma eliminação mais fácil e rápida, se a ingestão é insuficiente, a eliminação será um processo mais complexo. A ausência de água pode causar um ressecamento no intestino.

A ingestão de fibras solúveis também é um fator importante, as fibras em geral não são digeridas, mas são acrescentadas ao bolo fecal, as solúveis formam um gel no intestino e facilitam a eliminação. O sedentarismo também contribui como agravamento do problema. Doenças metabólicas, esclerose múltipla, doenças cardíacas e até depressão são fatores que também podem ser causas da constipação, por modificarem o ritmo de movimentação do intestino.

Tratamentos

Pessoas reféns desse problema recorrem a tratamentos por conta própria como o uso frequente de laxantes, o que pode ser um risco à saúde. O recomendado é a procura de um médico especializado para tratar os problemas do intestino, o qual fará um diagnóstico da situação do órgão.

Providências necessárias:

- Buscar corrigir erros na alimentação.

- Evitar frituras, alimentos gordurosos e comidas muito pesadas durante o período de constipação.

- Beber muita água, no mínimo dois litros por dia.

- Optar por alimentos mais naturais que contenham fibras solúveis.

- Praticar de exercício físicos pode contribuir para o fim do problema.

- Evitar bebidas alcoólicas e café, pois produzem muitos gases.

- Comer ameixa e aveia, considerados laxantes naturais.

Deixe uma resposta

Código

3 Comentários em “Constipação intestinal: O que fazer?”

  1. Cleuza Verrone diz:

    Tenho interesse em fazer a cirurgia para o diabetes
    tenho 1.69 altura peso 67 kg

    • CLEUZA – Olá, realmente a cirurgia é excelente para o controle do diabetes e emagrecimento mas para fazê-la é preciso estar com o IMC 35 acima. Abaixo disso não é possivel. Abraços amiga…