Dietas pós balão gástrico

Por: em 15 de setembro de 2015 - comente

aleDieta

Olá pessoal, estou aqui novamente para dar mais algumas dicas relacionadas ao balão gástrico.

Como havia dito no post anterior, antes de colocar o balão, passei por uma equipe multidisciplinar (psicóloga e nutricionista) na qual me orientaram de como seria após o procedimento.

Hoje vou passar para vocês um pouco de como foi a minha orientação com a nutricionista.

Quando passei pela consulta com a nutricionista, tinha várias dúvidas de como funcionariam as dietas. Muitas pessoas também têm algumas dúvidas de como proceder, o que deve comer e a quantidade.

Mas gostaria de enfatizar que cada nutricionista tem a sua conduta e seus métodos, por isso o volume oferecido nas refeições ficará a cargo do profissional nutricionista. Então deixarei aqui, apenas, um resumo da conduta que foi me passada.

Para uma melhor adaptação com balão, a maioria das nutricionistas indicam uma ‘’ evolução ‘’ das dietas, de uma forma gradativa. Se inicia com uma deita liquida, depois uma dieta pastosa, dieta branda e no fim a dieta geral.

Dieta liquida

Se inicia e mantem por um período de 5 a 7 dias tendo uma variação, pois alguns pacientes demoram mais ou menos tempo para se adaptar com a prótese. Tudo depende do organismo do paciente.

Nessa dieta são indicados líquidos que ajudem na hidratação, o que é muito importante para evitar a desidratação devido aos vômitos. Como por exemplo:

  • Isotônicos
  • Água de coco;
  • Suco natural diluído em água e coado;
  • Suco feito com polpa de fruta – liquidificado e coado;
  • Água;
  • Chá de ervas claras (camomila, erva cidreira, Maça)
  • Gelatinas diet;
  • Picolé de frutas sem açúcar (mas não morder um pedaço e engolir, apenas lambe-lo);
  • Caldos de sopas (legumes com carne magra)

 

Dieta liquida pastosa

São indicados alimentos liquidificados e peneirados. Indeca-se a introdução de:

  • Leite sem lactose;
  • Iogurtes desnatados;
  • Vitaminas;
  • Sucos com consistência mais cremosas;
  • Manter os líquidos da fase anterior;

 

Dieta pastosa

Após a liquida pastosa, entra-se com a dieta pastosa que acontece normalmente na segunda para terceira semana com o balão. Também variando os dias de permanecia nessa dieta.

Esta dieta consiste em alimentos pastosos como:

  • Purês;
  • Carne moída ou desfiada;
  • Mingaus;
  • Papas;
  • Pudins;
  • Arroz papa;
  • Macarrão bem cozido;

* É pertinente mencionar que é nessa fase que o paciente votará a mastigação, sendo importante ressaltar a importância de uma mastigação lenta e com poucos volumes

* De preferência, evitar ingerir líquidos durante as refeições.

 

Dieta Branda

São incluídos todos os alimentos cozidos, sem uso de folhosos, cascas e bagaços de frutas. Tem sua duração, variável, de uma semana.

Alguns exemplos de alimentos incluídos nessa dieta são:

  • Queijo branco, ricota, cottage ou polengue light;
  • Pão de forma integral (com requeijão light ou margarina light);
  • Bolacha (água e sal ou maisena);
  • Caldo de grãos (feijão, ervilha, lentilha, soja…);
  • Legumes cozidos;
  • Verduras refogadas;
  • Carne vermelha (moída ou na forma de hambúrguer, almôndega …)
  • Frango desfiado ou moído;

 

Dieta Geral (Hipocalórica)

É caracterizada por dar o início a uma reeducação alimentar. São permitidos os todos alimentos, até os crus. Sempre dando preferência por alimentos light, sem açúcar para evitar alta ingestão calórica.

A partir desta dieta é viável voltar ao nutricionista para que seja feita uma dieta especifica para ajudar na redução de peso

Deixe uma resposta

Código