Hipertensão – Males da Obesidade

Por: em 15 de agosto de 2012 - comente

 

hipertensão é a elevação da pressão arterial para níveis acima daqueles considerados normais, e suas consequências se dão, principalmente através delesões em órgãos como: 

Cérebro – causando dois tipos de acidentes vascular cerebral, AVC, o isquêmico, que é o entupimento de vasos, impedindo a irrigação no local, e o hemorrágico, caracterizado pelo rompimento de artérias, sangramentos e formação de coágulos;

Coração – provocando angina (dor no peito em razão da falta de irrigação);

Rins – alterando e provocando comprometimento de suas funções, inclusive, podendo levar à insuficiência renal;

Olhos – provocando cegueira em razão do rompimento de retina.

Apesar de todas estas drásticas consequências e das constantes informações divulgadas na mídias, o comportamento geral da população ainda é de certo desprezo a esta terrível doença, e o primeiro passo para atitudes mais conscientes, que gerem novos comportamentos, é conhecer os seus causadores, que vão de fatores genéticos ao ganho de peso, neste último caso,  desencadeando-se um processo de alterações no sistema nervoso simpático, responsável, entre outras funções, pela dilatação e contrição dos vasos sanguíneos.

O propósito aqui não é esgotar o assunto ou aprofundá-lo a um nível técnico, mas tão somente despertar a consciência dos nossos leitores para a necessidade de que comportamentos saudáveis sejam adotados e assim, se evitem que danos relativos a alterações de pressão arterial cheguem ao ponto de que um diagnóstico de hipertensão seja a sentença. Assim, a melhor receita é a prevenção, para isso:

* Mantenha-se no peso ideal;

* Pratique atividade física regularmente;

* Reduza o sal das refeições;

* Evite bebidas alcoólicas;

* Tenha uma dieta saudável;

* Não fume;

* Realize exames médicos periodicamente.

Mude seus comportamentos e viva mais e melhor.

Deixe uma resposta

Código