O que comer aos 50 anos de idade

Por: em 31 de janeiro de 2013 - comente

 

Estamos chegando na reta final da nossa série. Durante toda essa semana aprendemos que cuidar da alimentação é muito mais importante do que poderíamos imaginar. O tempo passa e o que comíamos aos 20 anos não faz mais tão bem para a nossa saúde quando chegamos aos 50 anos de idade. O metabolismo é bem mais lento, as variações hormonais pedem que o corpo se alimente de outras formas e os exercícios físicos não podem mais ser feitos de qualquer jeito. O acompanhamento médico que já era importante antes, agora é muito mais. Na verdade, agora é vital.

Esse é um momento que você precisa redobrar a atenção com a saúde. Uma boa nutrição vai refletir um organismo saudável ao longo dos anos, mas aos 50 a coisa muda de figura. Mesmo com a alimentação balanceada, o corpo fica defasado em vários nutrientes e vitaminas. Por exemplo: até agora nós prevenimos a osteoporose, que pode aparecer nessa idade. Se ela não apareceu, que bom! Continue se alimentando com leite, derivados e vegetais folhosos verde-escuros. Prevenir nunca é demais.

Na faixa dos 50 anos de idade também é importante que a soja esteja presente no cardápio do dia a dia. Problemas comuns nessa idade como o colesterol sanguíneo podem ser evitados com o consumo da soja. Ela ainda pode reduzir os sintomas da menopausa, no caso das mulheres. Mas lembre-se: consumir a soja durante uma semana ou um mês não resolve o problema. É ideal que o consumo seja contínuo, se possível desde o início da vida.

Nesta fase, a atividade física é quase uma obrigação. Vale lembrar que devemos estar sempre atentos à saúde dos ossos. Evite exercícios como maratonas e ciclismo, a não ser que você já pratique há mais tempo, pois são de grande impacto. Atividades na água possuem pouco impacto e são mais indicadas. O aumento da gordura corporal, comum nessa idade, é um fator limitante. Pessoas acima dos 50 anos também podem estar vulneráveis a problemas cardíacos, então procure um especialista para que ele indique as melhores modalidades para você praticar. 

Melhores alimentos

Beba bastante água e combine a soja com frutas, legumes, verduras e produtos com o menor índice de gorduras possível. Com o metabolismo funcionando bem, a base de alimentos saudáveis, o corpo vai responder rapidamente inclusive na pele, cabelos e unhas. A base da queratina é a proteína, fundamental para a formação do cabelo. Você pode encontrá-la em carnes, peixes, leite, queijos e ovos. Esses alimentos também possuem cálcio e ferro, que ajudam ainda na nutrição das unhas, e na famosa prevenção da osteoporose.

Deixe uma resposta

Código