Pesquisa de Harvard Sobre Emagrecimento

Por: em 20 de julho de 2011 - 4 comentários

FrutasHoje de manhã, a caminho do trabalho, estava escutando a CBN e passou uma reportagem sobre emagrecimento e erros que as pessoas que fazem dietas cometem e eu resolvi trazer de ante-mão para vocês. Baseado no que eu entendi.

A noticioa era sobre um estudo feito por pesquisadores de Harvard, sobre emagrecimento. Essa pesquisa acompanhou durante 20 anos, cerca de 120 mil pessoas de diferentes tipos, todos foram limitados a uma quantida de 1200 calorias diárias, um grupo comia de tudo, em pequenas quantidades, sem ultrapassar as 1200 calorias, já o outro grupo, comia as 1200 calorias de forma mais saudável, com algumas restrições. Durante o estudo foi descoberto que dietas que focam em pequenas porções de tudo são equivocadas, no estudo ficou comprovado que aquelas pessoas que comiam de tudo em pequenas porções engordavam mais que aquelas que comiam outros tipos de alimentos em maior quantidade. Pessoas que comiam batata frita, salgadinhos, refrigerantes, alimentos industrializados com conservante e carne vermelha mesmo em pouca quantidade tinham mais tendência para engordar do que aquelas que comiam mais frutas, verduras e grãos, independente da quantidade.Mulher com Pesinhos e Salada

A conclusão que eu pude tirar desse estudo, é a importância da ingestão de produtos saudáveis, como bastante frutas e verduras, independente da quantidade de calorias. A ingestão de água também é fundamental para um bom funcionamento do organismo. Uma alimentação saudável é fundamental para uma melhor qualidade de vida.  Cuide-se!

 

Deixe uma resposta

Código

4 Comentários em “Pesquisa de Harvard Sobre Emagrecimento”

  1. Muito bom essa pesquisa.
    Sendo que no momento estou lendo este livro que e muito bom.
    Receitas Para Emagrecimento e Definição Muscular.
    È so clicar no meu nome que vai para o site.

  2. rosangela santos diz:

    quero saber tudo sobre emagrecer saudavel.

    • ROSANGELA – O mais saudável é a reeducação alimentar e atividades físicas, caso não consiga sozinha procurar ajuda de um profissional de nutrição. Boa sorte!