Qual o melhor alimento para minha idade?

Por: em 25 de janeiro de 2013 - comente

Chegou a sexta-feira e nós já vamos dar início a outra série. A partir de segunda-feira vamos ver os alimentos ideais para cada idade. Aos 20 anos o corpo é de um jeito, mas aos 30, 40, 50 ou 60 anos, é totalmente diferente. Conforme o tempo passa, o organismo necessita de diferentes tipos de vitaminas e nutrientes. A alimentação precisa de um cuidado especial. Crescimento, mudanças hormonais, gravidez e tantos outros fatores fazem com que o corpo fique constantemente em alerta.

Quem segue uma dieta específica para sua idade vai evitar problemas de saúde futuros, pois o metabolismo vai funcionar a todo vapor em todos os momentos. Até os 20 anos de idade, o corpo humano está em fase de crescimento e aprendizado. Depois dos 20 anos os hábitos mudam bastante. Atividades como trabalho e estudos estão acumulados e o gasto de energia é sem dúvida maior. Na faixa dos 30 anos de idade, o corpo pede menos gorduras e açúcares. A queima calórica passa diminuir gradativamente com o passar do tempo e isso dificulta a perda de peso.

Aos 40 anos, o corpo já é totalmente diferente de quando tínhamos 20. A queima de calorias é mais lenta, e além de equilibrar a alimentação, é preciso controlar os hormônios. Aos 50, quando vem a menopausa e os hormônios já precisam estar controlados, a alimentação vem o objetivo de manter tudo no lugar. O organismo precisa de alimentos e exercícios físicos que deem um empurrãozinho. Não custa nada cuidar direitinho do corpo, afinal, doenças sempre podem ser evitadas.

Com 60 anos ou mais o excesso de gordura pode trazer preocupações, mas o baixo peso também pode ser perigoso. O cuidado é então redobrado. Também não é simples praticar exercícios nessa fase da vida, mas o sedentarismo pode ser bem pior. Caminhadas e atividades na água são ótimas pedidas. Nessa idade é preciso também estar sempre hidratado, pois é comum que a sede diminua.

Semana que vem traremos artigos completos sobre cada idade. O que comer, quais exercícios praticar, o que evitar, quais alimentos dar preferência entre outros. Como sempre, relembramos que em todas as fases da vida a saúde é primordial e precisa de acompanhamento médico.

Deixe uma resposta

Código