Quanto dormimos por noite afeta à sensibilidade à dor

Por: em 12 de dezembro de 2012 - comente

Todos nós temos pavor à dor. Não é verdade? Não à toa, os remédios mais vendidos são os analgésicos, por oferecerem o alívio para a dor. E ai, são vastamente consumidos, ainda que sem a devida prescrição médica.  

Agora, uma notícia boa ou no mínimo, interessante. Pesquisa revela que dormir 10 horas por noite melhora a capacidade para suportar a dor. O estudo foi feito pelos pesquisadores do Henry Ford Hospital, nos Estados Unidos. Segundo o grupo de pesquisadores, as conclusões atestam que o sono em quantidade adequada, interfere positivamente, em diversas situações de dor crônica ou mesmo quando a pessoa está passando por um período de preparação para se submeter a procedimentos cirúrgicos. Segundo a pesquisa, 18 pessoas saudáveis foram analisadas, separadamente e de forma aleatória para que pudessem dormir oito horas por 4 noites, depois repetiu-se o mesmo com 10 horas no mesmo período. A constatação da equipe é que o grupo que dormiu mais horas por noite teve, no final, maior vigilância diurna e menor sensibilidade á dor.

Bem, é interessante saber, especialmente, já sendo fato que dormir bem e as horas adequadas, também ajuda em outros processos do nosso organismo, influenciando a qualidade de vida, inclusive quando se fala de peso e obesidade, por exemplo. E ai, passa a ser mais um desafio dos tempos modernos, em que cada vez mais as pessoas tem menos tempo e entram no ciclo da vida corrida. Ou seja, é preciso associar à boa e balanceada alimentação, a prática de atividades físicas e também, noites de sono com horas adequadas.

O corpo pede calma, e quando o ouvimos, os dias se tornam mais saudáveis e a vida pele passagem.

Bom sono!!!

Deixe uma resposta

Código